RSS

Arquivo da tag: Joãozinho

Dançarino de boate gay

A professora pergunta na sala de aula:
– Pedrinho qual a profissão de seu pai?
– Advogado, professora.
– E a do seu pai, Marianinha?
– Engenheiro.
– E o seu, Aninha?
– Ele é médico
-E o seu pai, Joãozinho, o que faz?
-Ele… Ele é dançarino numa boate gay!
– Como assim? (pergunta a professora, surpresa)
– Fessora, ele dança na boate vestido de mulher, com uma tanguinha minúscula de lantejoulas ; os homens passam a mão nele e poem dinheiro no elástico da tanguinha e depois saem para fazer programa com ele.

A professora rapidamente dispensou toda a classe, menos Joãozinho.
Ela caminha até o garoto e novamente pergunta:
– Menino, o seu pai realmente faz isso?
– Não, fessora. Agora que a sala tá vazia, eu posso falar :
Ele é Deputado Federal….. Mas dá uma vergonha falar isso na frente dos outros !!!

Anúncios
 
Deixe um comentário

Publicado por em 17/05/2011 em Humor, Sopa de Tudão

 

Tags: , , , ,

Redação do Joãozinho

A professora disse para os seus alunos:

‘Vocês têm duas horas para fazer uma redação, quem terminar pode ir pra casa ‘

A redação deverá conter quatro temas:

1º. Sexo.
2º. Presidência da República.
3º. Religião.
4º. Mistério.

Podem começar…

Joãozinho, como sempre, foi o primeiro a entregar (em menos de 1 minuto…)

Sua redação dizia:

COMERAM A DILMA. MEU DEUS !! QUEM FOI ??

 
Deixe um comentário

Publicado por em 14/04/2011 em Humor, Sopa de Tudão

 

Tags: , ,

A primeira vez do mineirinho

Joãozinho, mineirinho batuta da quinta serie, escreveu uma poesia na aula de redação, chamada ‘A primera veiz’:

 

O ceu tava bem craro,

A lua quasi dorada,

Ali nu campu eu i ela,

I nao si via mais nada.

Sua pele era suave,

As ancas tava exposta,

I eu tocando di leve,

U macio di suas costa.

Num sabeno começá,

Olhei u corpo isguio.

I dicidi po as mão,

Sobre seu peito macio.

Eu sentia medo.

Meu coração forte batia,

Enquanto ela divagarinho,

As suas perna abria.

Inda bem qui cunsigui!

Tudo então melhoro.

Pelo menos desta veiz,

O liquido branco jorro.

Finarmente tudo acabô,

I quasi saio di maca.

Foi assim a primera veiz

Qui tirei leite da vaca.

Gente mardosa né….

 
Deixe um comentário

Publicado por em 01/04/2011 em Humor, Sopa de Tudão

 

Tags: , , ,

Óbvio

Em uma escola muito heterogênea, onde estudam alunos de várias classes sociais, durante uma aula de português, a professora pergunta:

– Quem sabe fazer uma frase com a palavra “óbvio”?

Rapidamente, Milla Verçosa, menina rica, uma das mais aplicadas alunas da classe, respondeu:- Prezada professora, hoje acordei bem cedo, depois de uma ótima noite de sono no conforto de meu quarto. Desci a enorme escadaria de nossa residência e me dirigi à copa onde era servido o café. Depois de deliciar-me, fui até a janela que dá vista para o jardim de entrada.

Percebi que se encontrava guardado na garagem o automóvel BMW do meu pai. Pensei com meus botões:

– É ÓBVIO que meu pai foi ao trabalho de Audi.

Sem querer ficar para trás, Dennys Fonda, de uma família de classe média, acrescentou:

– Professora, hoje eu não dormi muito bem, porque meu colchão é meio duro. Eu consegui acordar assim mesmo, porque pus o despertador do lado da cama. Levantei meio zonzo, comi um pão meio muxibento e tomei café. Quando sai para a escola, vi que o fusca do papai estava na garagem. Imaginei:

– É ÓBVIO que o papai não tinha dinheiro para gasolina, foi trabalhar de busão.

Embalado na conversa, Wandercleison Maicon Jáqueson, de classe baixa, também quis responder:

– Fessora, hoje eu quase não durmi, porque teve tiroteio até tarde na favela. Só acordei de manhã porquê tava morrendo de fome, mas não tinha nada pra cumê mesmo… quando olhei pela janela do barracão, vi a minha vó com o jornal debaixo do braço e pensei:

– É ÓBVIO que ela vai cagá!!! Num sabe lê…

 
Deixe um comentário

Publicado por em 17/01/2011 em Humor, Sopa de Tudão

 

Tags: , ,

Joãozinho, O BÃO

A professora estava tendo dificuldades com um dos alunos. (adivinha quem?)
– Joãozinho qual é o seu problema?
– Sou muito inteligente para estar no primeiro ano. Minha irmã está no terceiro ano e eu sou mais inteligente do que ela. Eu quero ir para o terceiro ano também!
A professora, vendo que não vai conseguir resolver este problema, o manda para a diretoria.
Enquanto o Joãozinho espera na ante-sala, a professora explica a situação ao diretor. O diretor diz para a professora que vai fazer um teste com o garoto. Como é certo que ele não vai conseguir responder a todas as perguntas, vai mesmo ficar no primeiro ano.
A professora concorda. Chama o Joãozinho e explica-lhe que ele vai ter que passar por um teste e o menino aceita. O Diretor pergunta para o Joãozinho:
– Joãozinho, quanto é 3 vezes 3?
– 9.
– E quanto é 6 vezes 6?
– 36.
O diretor continua com a bateria de perguntas que um aluno do terceiro ano deve saber responder. Joãozinho não comete erro algum.
O diretor então, diz para a professora:
– Acho que temos mesmo que colocar o Joãozinho no terceiro ano.
A professora diz:
– Posso fazer algumas perguntas também?
O diretor e o Joãozinho concordam. A professora pergunta:
– O que é que a vaca tem quatro e eu só tenho duas?
Joãozinho pensa um instante e responde: – Pernas.
Ela faz outra pergunta:
– O que é que há nas suas calças que não há nas minhas?
O diretor arregala os olhos, mas não tem tempo de interromper…
– Bolsos. (Responde o Joãozinho).
Mais uma:
– O que é que entra na frente na mulher e que só pode entrar atrás no homem?
Estupefato com os questionamentos, o diretor prende a respiração…
– A letra “M”. (Responde o garoto.)
A professora continua a argüição:
– Onde é que a mulher tem o cabelo mais enroladinho?
– Na África. (Responde Joãozinho de primeira.)
E continua:
– O que entra duro e sai mole pingando?
O diretor apavorado. E o Joãozinho responde: o macarrão na panela.
E a professora não para:
– O que é que começa com “b”, tem “c” no meio, termina com “a” e para ser usada é preciso abrir as pernas?
O professor fica paralisado. E o Joãozinho responde: – A bicicleta.
E a professora continua:
– Qual o monossílabo tônico que começa com a letra “C” termina com a letra “U” e ora está sujo ora está limpo?
O Diretor começa a suar frio.
– O céu, professora.
– O que é que começa com “C” tem duas letras, um buraco no meio e eu já dei para várias pessoas?
– CD.
Não mais se contendo, o diretor interrompe, respira aliviado e diz para a professora:
– Puta que Pariu! Põe esse moleque como diretor, pois eu mesmo errei todas.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 27/12/2010 em Sopa de Tudão

 

Tags: ,

Brincando de Papai Mamãe

Joãozinho chega da escola e vai direto à geladeira pegar o sorvete. Sua mãe entra na cozinha e dá aquela bronca:

-Nada disso, Joãozinho. Isso não é hora de tomar sorvete. Está quase na hora do almoço… Vá lá fora brincar!

-Mas, mamãe, não tem ninguém para brincar comigo!
A mãe entra no jogo dele e diz:
-Tá bom, então eu vou brincar com você. Do que é que nós vamos brincar?
-Quero brincar de papai-e-mamãe.
Tentando não mostrar surpresa ela responde:
-Tá certo. O que é que eu devo fazer?
-Vá para seu quarto, vista o baby-doll e deite-se.
Pensando que vai ser bem fácil controlar a situação, a mãe sobe as escadas.
Joãozinho vai até o quartinho e pega um velho chapéu do pai. Ele encontra um toco de cigarro num cinzeiro e o coloca no canto da boca. Sobe as escadas e vai até o quarto da mãe.
A mãe levanta a cabeça e pergunta:
-E o que eu faço agora?
Com um jeito autoritário, Joãozinho diz:

Desça logo e dê sorvete ao garoto!

E aí: PENSOU SACANAGEM, NÉ?

Vai Orar, Alma pecadora! Já!

 
Deixe um comentário

Publicado por em 01/11/2010 em Humor, Sopa de Tudão

 

Tags: , , , , ,

Mais uma do Joãozinho

Joãozinho estava brincando no playground da escola, quando viu o carro do seu pai passando em direção ao mato atrás da escola… ele seguiu o carro e viu seu pai e tia Lúcia se abraçando apaixonadamente!!! Joãozinho não se conteve e correu pra casa para contar pra sua mãe o que tinha visto…

– Mamãe, mamãe, eu estava no playground da escola, quando vi o carro do papai indo pro mato com a tia Lúcia dentro… Eu fui atrás pra ver e ele tava dando o maior beijo na tia Lúcia… depois ele ajudou ela tirar a blusa… aí a tia Lúcia ajudou o papai a tirar suas calças e depois a tia Lúcia…’

Nesse ponto a mamãe o interrompeu e disse:

– Joãozinho, essa é uma estória tão interessante, que tal
você guardar o resto dela pra hora do jantar?…
Eu quero ver a cara do seu pai, quando você contar tudo isso hoje à noite!’

Na hora do jantar, mamãe pediu pro Joãozinho pra contar sua estória… Joãozinho começou :
– ‘Eu tava brincando no playground da escola, quando vi o carro do papai indo pro mato com a tia Lúcia dentro… aí, fui correndo atrás pra ver e ele tava dando o maior beijo na tia Lúcia… aí ele ajudou ela tirar a blusa… aí a tia Lúcia ajudou o papai a tirar suas calças e depois a tia Lúcia e o papai começaram a fazer as mesmas coisas que a mamãe e o tio Chico faziam quando o papai estava no exército…’
A mamãe desmaiou!

Conselho: Escute tudo até o fim, antes de tirar conclusões!

 
Deixe um comentário

Publicado por em 26/08/2010 em Sopa de Tudão

 

Tags:

 
%d blogueiros gostam disto: